Pesquisar neste blog

Sinceras desculpas

domingo, 10 de setembro de 2006

Peço sinceras desculpas a todos aqueles que Deus têm me dado o prazer e a honra de ter algum tipo de "diálogo" no meio digital; desta vez não tenho qualquer justificativa, apenas não consigo fazer sempre a mesma coisa, tanto que, algumas vezes, pareço estar desprezando a mim mesmo e aos que me rodeiam. Na verdade, é algo natural de mim mesmo este isolamento. Há momentos em que ele está mais acentuado. Contudo, não é algo anormal, nem muito menos uma doença. Acho que todo mundo tem suas peculiaridades. Ultimamente, eu me senti um pouco cansado de tudo, preferi a cama. Às vezes, é até possível esquecer o quanto um bom sono, uma boa "hibernação" tanto quanto atividades físicas são compensadoras. Por favor, não estranhem minha ausência, principalmente os que eu sempre costumo visitar. Eu nem quero dizer que amo vocês, prefiro que o tempo mostre isso. Desejo vida longa a todos, e vou postar algumas coisas, talvez mais leves e descontraídas. Minha criancinha, meu jovenzinho querem brincar um pouco. Meu eu adulto está ficando um pouco rãzinza, e eu sei que posso carregar o melhor de cada idade dentro de mim.
Sejam felizes, vocês merecem! Daqui a um poucochinho... talvez até mude de idéia, afinal, não consigo ser racional sempre, por vezes, o instinto, a intuição e as emoções me pregam sustos e controlam embriagadamente o volante do meu carro.
 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe