Pesquisar neste blog

Estrelas brilham, mas não tem vida

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017


Imagem: arquivo distribuído por https://www.freevector.com, com licença do tipo
https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/

Estrelas brilham, mas não tem vida

As estrelas sempre brilham, mas não têm vida. O sol reina, ferve, fervilha, nutre a terra e seu funcionamento, é de um esplendor incalculável pela garantia de sobrevivência que dá a todos os seres do mundo, mas ele não vive, não tem sentimento, não pode medir a si mesmo, não pode optar por nada, não chora com as perdas nem sorri com as vitórias. Não se apaixona, não tem esperança ou desespero.
Viver, sentir, brilhar, ter alma, construir significados, questionar consigo mesmo, com os outros, com todo mundo e toda história. Isso tudo só nós que não temos luz física própria podemos fazer. Isso, sim, é luz, energia. Cabe a nós usarmos essa luz, essa possibilidade de inventar, reinventar, de viver, de pensar da melhor forma possível e até loucamente ou ainda não pensar, para sermos felizes do modo mais saudável possível.

(Jackson Angelo, dezembro de 2014)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe