Pesquisar neste blog

Carregando...

Nada na vida é 100%

sexta-feira, 13 de maio de 2011

O que é 100% em nossas vidas?

Esse texto é mais ou menos o diálogo de um amigo meu sobre "o que é 100% na vida?". Todo ponto de vista possui concordâncias e discordâncias. Sem essas mudanças de opinião, como poderíamos nos enriquecer também? Assim, opinião nunca é 100%.
Se somos uma pessoa apenas, temos a maior dificuldade em nos definir. Vejam como o pensamento pára e se modifica constantemente quando preenchemos, por exemplo, um perfil de rede social, quando falamos sobre nós mesmos.
Temos muitos contrários e opostos em nossa personalidade. Sabemos o que é certo e tantas vezes estamos tão longe dessa certeza. Criticamos alguém por algo e, com o passar dos anos, quão surpresos já nem ficamos mais quando fazemos algo pior.
Temos vários lados, por exemplo, o lado violento e o lado dócil. Nessa docilidade ainda carregamos algo bruto, que sempre parece estar precisando de melhor maturidade e aperfeiçoamento, ou até uma completa excreção de dentro de nosso ser.
O que é 100%?
Nossas amizades, nossos amigos, não são 100%. O 100% do que somos e fizemos, dos nossos reais sentimentos ainda revelamos? E o quanto de nós suportariam conhecer e conviver? Ou quanto direito eles têm de falharem também? Ou do mesmo modo ter suas páginas escondidas em diários para leitura unicamente pessoal?
Nossa fé, nossas razões, não são 100%. Quantas vezes falta fé, quantas vezes temos tantas e tantas dúvidas?
Um trabalho nunca é 100%. Os amigos da empresa, os chefes, o próprio trabalho, as obrigações, o dia a dia, a rotina, o cansaço, as novas exigências, o salário.
A juventude dura pouco, a infância menos ainda, a velhice pode cansar e certamente trará cansaço. A vida material não é 100%.
A família vai de -100% até um certo nível, mas quando chega a 100% em nossas vidas?
Liberdade nunca é 100%. Ela é partilhada, matematizada. Nossos atos, nossos pensamentos, nossos valores e desejos, muitas coisas influem para que administremos a liberdade até uma percentagem em que não prejudiquemos nem a nós mesmos nem as pessoas com quem convivemos. A liberdade é um acordo. Certamente posso infringir todas as normas, contudo, como o viver em sociedade é um acordo entre todos nós, ainda que não queiramos, estamos sujeitos a limites e a penalidades.
A nossa justiça humana nunca será 100% se levarmos em conta que são feitas por homens, que não vêem 100%, que não estão todo tempo em certo tempo e lugar ou até nunca estiveram, cujo carácter pode não ser o que dele se espera. Há normas, normas, e mais normas, variadas formas de entender, de acusar e de defender. Há o poder que perpassa as instituições, há a corrupção que pode, e a História prova isso, mudar todo contexto de aplicação dessas normas, pelas quais se tenta materializar um ideal humano: a justiça!
Amor, marido, mulher, filhos, pai, mãe, ninguém é 100%. Sempre vão existir chicotes, sempre vão existir divergências, perturbações, e igualmente coisas que gostamos: carinho, compreensão, companheirismo, aceitação, amor, e tanta coisa boa que a vida pode proporcionar. Estas coisas tão contrárias, por outro lado, também contribuem para o equilíbrio de que tanto precisamos. Esse equilíbrio por depender destas oscilações também não é 100%.
Certamente, Deus é 100% em si mesmo. Ocorre que nem em nossa caminhada Deus pode ser 100%, porque muitas das nossas escolhas quem deve tomar somos nós mesmos. Somos dependentes dele e precisamos dele, mas há coisas para as quais ele nos dá a obrigação e o poder de lutar para resolver e decidir, por conta da liberdade que nos é dada.
Então, se temos problemas podemos contar com Deus, mas há atos que dependem de nós. O que não podemos fazer, é até insensato esperar, que Ele o faça por nós.
Nossos pais podem ser os mais excelentes, mas precisamos também dos erros para aprender a tomar nossas próprias decisões e otimizar os acertos. Chegarão dias em que também teremos algo para ensinar a eles, e por meio de nós eles também amadureçam em alguma área da vida.
O céu, o mar, o dia, a noite, até o tempo tem os seus contrários de verão e inverno, outono e primavera. O céu nunca é o mesmo. As águas nunca têm o mesmo vai e vem das ondas. No verão nem todo instante procuramos o sol.
Insisto, este é um ponto de vista. O que quero dizer é que devemos ser humildes em reconhecer nossas limitações, nossos erros, nossas variações ao longo da vida, bem como das pessoas com quem convivemos.
Um amigo vai errar, uma mãe, um pai também erram, também machucam, por melhores pessoas que sejam. Há momentos de solidão necessários na vida para amadurecermos, para reavaliar o que somos e o que fazemos. Até com Deus muitos podem ficar insatisfeitos e até revoltados, mas é porque temos uma expectativa de 100% com tudo, de perfeição, de pleno contentamento em tudo, de acordo com nosso tempo e visão, como se não conhecêssemos a natureza do mundo, das pessoas, dos eventos.
Só pra ser menos seco. Há alguns percentuais que nos distanciam cada vez mais do 100% (erros, vacilos, etc.) e que podem ser motivos de muitas risadas depois: o sapato que quebrou no início da festa, o dormir no meio do filme, a palavra errada, o "peidinho" (desculpem o termo) que saiu quando menos e onde de modo algum poderia acontecer, a calça rasgada no baile mais importante, entre tantas outras gafes, erros e coisas inesperadas que geraram boas gargalhadas depois. Eles podem até roubar o brilho das nossas festas né? Porém, sem essas coisas inesperadas muitas histórias ficariam completamente sem graça.
Então, tendo uma expectativa mais realista, acho que podemos aproveitar melhor os relacionamentos, os acontecimentos, nossa própria personalidade. Acho importante isso na nossa relação pessoal "DE MIM PARA MIM" também, porque costumamos nos cobrar demais em tanta coisa, exigimos tanto, tanto, podemos nos culpar por tanta coisa, mas é preciso ter consciência que não somos 100% e isso de modo algum torna a vida, você, ou qualquer pessoa pior.

(Jackson Angelo, em 11/05/2011)

Mensagem perdida após atualização do Blogger, no qual perdi várias postagens.
Os comentários deixados pelos leitores foram os seguintes:

"2 Comentários to "Nada na vida é 100%"
  1. Oi amiguinho
    como está? td bem?
    passei para dar uma olhadinha nas novidades, mas minha internet discada é uma vergonha e fica muito difícil baixar alguma coisa, mas continuo sendo fã das suas molduras e das coisas que escreve...
    Jesus pra mim é 100% sim, viu?
    um grande abraço e fique com Ele.

  2. Oi Jackson!
    Amei esse texto, coloquei ele no Face!
    Preciso ler textos como esse todos os dias, toda hora!
    Quero ser 100% sempre, e quero que os outras e as coisas sejam 100% sempre também... (Ai eu sofro né..rsrsrs) Mas tenho tentado mudar isso ultimamente, se Deus quiser e eu me esforçar um pouquinho mais vou conseguir aceitar que esses 100% não existem!
    Ótimo fim de semana!
    Abraço.

    Keila
    http://wwwcantinhodakekeik.blogspot.com/"

2 comentários

  1. Oi amiguinho
    como está? td bem?
    passei para dar uma olhadinha nas novidades, mas minha internet discada é uma vergonha e fica muito difícil baixar alguma coisa, mas continuo sendo fã das suas molduras e das coisas que escreve...
    Jesus pra mim é 100% sim, viu?
    um grande abraço e fique com Ele.

    ResponderExcluir
  2. Oi Jackson!
    Amei esse texto, coloquei ele no Face!
    Preciso ler textos como esse todos os dias, toda hora!
    Quero ser 100% sempre, e quero que os outras e as coisas sejam 100% sempre também... (Ai eu sofro né..rsrsrs) Mas tenho tentado mudar isso ultimamente, se Deus quiser e eu me esforçar um pouquinho mais vou conseguir aceitar que esses 100% não existem!
    Ótimo fim de semana!
    Abraço.

    Keila
    http://wwwcantinhodakekeik.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe