Pesquisar neste blog

Quando eu nada tiver pra ter um amigo

domingo, 4 de abril de 2010

Quando eu nada tiver pra ter um amigo
Quando o fracasso castigar os meus dias
Quando estiver imerso em descaminhos e perdições
Quando já tiver magoado cada pessoa do meu viver
Quando a falta de perdão de todos me separar
Posso olhar pro céu
Posso abrir minha voz
Posso lamentar com Deus
Todo minha história
Posso acreditar que há uma saída

Quando já tiver perdido toda dignidade
E a sociedade me apedrejar
Quando toda culpa me ferir o coração
E minha vida ser uma tortura
Toda minha palavra uma podridão
Posso olhar pro céu
De onde me vem o socorro
Meu socorro vem do Senhor
Que fez os céus e a Terra
E me conhece inteiramente

Quando eu em nada acertar
E minha vida ser como um sepulcro
Quando toda ética me condenar
E minha alma na tristeza naufragar
Posso acreditar que ainda tenho um amigo
Que quer e pode minha vida transformar
Posso dobrar os joelhos e falar
Falar de cada dor do coração
Crer numa justiça incomum
Maior do que toda minha maldade

Um comentário

  1. CARA EU AMO TEUS POEMAS!!!TBM ADORO ESCREVER, MAS TENHO MEDO DE PUBLICA-LOS RSRSRSRS
    DEUS TE ABENÇOE!

    ResponderExcluir

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe