Pesquisar neste blog

Dia Internacional do Homem

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Segundo o documento oficial do governo federal, disponível nesse link (clique) ,*não existe ainda oficializado pelo governo essa data, mas documentos da Unesco e do meio digital apontam como 19 de novembro o Dia Internacional do Homem.

* http://www.camara.gov.br/internet/infdoc/Publicacoes/html/pdf/DatasComemorativas.pdf

Não encontrei ou não vi ainda nenhum documento oficial apontando como 15 de julho o dia Internacional do Homem. Se conhece algum documento oficial me avise, por favor.

Os sites abaixo dedicam-se exclusivamente para divulgação do Dia Internacional do Homem:

http://www.internationalmensday.com/

http://www.mensday.in/

Sobre essa dia, na Wikipédia, sempre se referindo a 19 de novembro há diferentes explicações em vários idiomas.

A versão em língua portuguesa declara o seguinte:

O Dia Internacional do Homem é um evento internacional celebrado em 19 de novembro de cada ano. As comemorações foram iniciadas em 1999 pelo Dr. Jerome Teelucksingh em Trinidad e Tobago, apoiadas pela Organização das Nações Unidas (ONU), e vários grupo de defesa dos direitos masculinos da América do Norte, Europa, África e Ásia.

A diretora da Secretaria de Mulheres e Cultura de Paz da UNESCO, Ingeborg Breines, disse que a criação da data é "uma excelente ideia para equilibrar os gêneros".

Os objetivos principais do Dia Internacional do Homem é melhorar a saúde dos homens (especialmente dos mais jovens), melhorar a relação entre gêneros, promover a igualdade entre gêneros e destacar papéis positivos de homens. É uma ocasião em que homens se reúnem para combater o sexismo e, ao mesmo tempo, celebrar suas conquistas e contribuições na comunidade, na famílias e no casamento, e na criação dos filhos.

A data é oficialmente celebrada em Trinidad e Tobago, Jamaica, Austrália, Índia, Estados Unidos, Cingapura, Reino Unido e Malta, mas o apoio global à data é amplo.


Objetivos

De acordo com os criadores do Dia Internacional do Homem, os homens devem denunciar a discriminação que sofrem em áreas como educação e saúde públicas, família, direito, mídia, entre outras, projetando uma imagem positiva de si mesmos na sociedade, destacando suas contribuições. O Dia Internacional do Homem é celebrado através de seminários públicos, atividades escolares, programas de rádio e televisão, passeatas e marchas pacíficas, debates, e mostras de arte. Os pioneiros da data alegam que não querem se contrapor ao Dia Internacional da Mulher, apenas querem destacar as experiências masculinas na sociedade, como aquela data faz com as conquistas femininas. Cada ano a celebração da data enfoca um tema diferente, como, por exemplo, 2002 foi o ano da saúde masculina e 2007 foi o ano do perdão e da cura.

O coordenador das celebrações do Dia Internacional do Homem na Austrália, Phil Gouldson, elaborou, com organizadores do evento em outros países, uma lista mais ampla dos objetivos da data. São eles:

  • Celebrar a masculinidade e as valiosas contribuições positivas de homens e garotos para as comunidades e sociedades.
  • Promover e apoiar a igualdade de gêneros, encorajando homens a cumprirem com suas responsabilidades e encarar os desafios que enfrentam na sociedade de forma positiva.
  • Demonstrar força de caráter e coragem para com os problemas que os homens enfrentam na sociedade, contribuindo para a construção de comunidades melhores e mais fortes, onde cada um se sinta seguro e tenha a possibilidade de crescer para atingir todo o potencial que tem.

Relações com outros eventos

De acordo com a Mens Activism News Network (Rede de Notícias do Ativismo Masculino), o Dia Internacional do Homem se interliga com o "Movembro" - um evento mundial que acontece em novembro de cada ano, no qual homens deixam a barba crescer para alertar para problemas de saúde masculinos, como câncer de próstata. A saúde masculina é um dos principais temas promovidos pelo Dia Internacional do Homem.

A data também se relaciona com o Dia Mundial da Criança, celebrado pela ONU em 20 de novembro, portanto, apenas um dia após o Dia Internacional do Homem. Ocorrem celebrações contínuas de dois dias relacionando-se os temas celebrados, principalmente no que diz respeito à paternidade.

A estudiosa dos direitos do homem Diane Sears notou que 19 de novembro é o mesmo dia em que o presidente estadunidense Abraham Lincoln fez um discurso em memória aos homens que sacrificaram suas vidas na Guerra Civil Americana. Para ela, isso reforça que a data deve ser utilizada para homenagear os sacrifícios e contribuições masculinas na construção da sociedade.

Críticas

O sociologista australiano Michael Flood, conhecio por sua posição extremamente feminista, iniciou uma campanha contra o Dia Internacional do Homem em 2004. Para ele, a data seria uma celebração do "machismo". Para Phil Gouldson, da Men's Health and Wellbeing Association (Associação de Saúde e Bem-Estar Masculino), as afirmações de Flood "reforçam a necessidade" da data.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe