Pesquisar neste blog

O que é imagem vetorial e algumas molduras vetorizadas

terça-feira, 2 de junho de 2009

As imagens vetorizadas estão na moda. Nunca se utilizou tanto o recurso desse tipo de ilustração. O Illustrator da Adobe se tornou o programa que melhor trabalha esse tipo de imagem com uma gama de recursos única e inovadora. Temos que reconhecer, americano em termos de imagem é fogo!
Tem diversos sites na internet que fornecem imagens vetorizadas gratuitamente. Eu utilizo muito esse recurso. Não é necessário recorrer à pirataria para isso, baixando arquivos da Shutterstock, Dreamstime e outros. Eu diria que mesmo os arquivos gratuitos são incrivelmente bonitos, alguns até mais funcionais do que os comerciais e, o melhor de tudo, lhe dá segurança para trabalhar à vontade.
Uma imagem vetorial é como uma imagem que não possui limitação de resolução, como as do Corel Draw, por exemplo. Você pode definir o tamanho à vontade. Os mais comuns formatos de imagens vetoriais são: svg, eps, ai, cdr, e o wmf (o mais pobre da família). Por serem matemáticos, eles ocupam muito pouco espaço. Não é como pegar uma fotografia que tem resolução definida e se passar daquiloe for redimensionada perde em qualidade e tende a se esfacelar.
Vejamos o que a Wikipédia nos diz sobre esse tipo de imagem:

Em computação gráfica, imagem vetorial é um tipo de imagem gerada a partir de descrições geométricas de formas, diferente das imagens chamadas mapa de bits, que são geradas a partir de pontos minúsculos diferenciados por suas cores. Uma imagem vetorial normalmente é composta por curvas, elipses, polígonos, texto, entre outros elementos, isto é, utilizam vetores matemáticos para sua descrição. Em um trecho de desenho sólido, de uma cor apenas, um programa vetorial apenas repete o padrão, não tendo que armazenar dados para cada pixel. As Curvas de Bézier são usadas para a manipulação dos pontos de um desenho. Cada linha descrita em um desenho vetorial possui nós, e cada nó possui alças para manipular o segmento de reta ligado a ele. Por serem baseados em vetores, esses gráficos geralmente são mais leves (ocupam menos espaço em mídias de armazenamento) e não perdem qualidade ao serem ampliados, já que as funções matemáticas adequam-se facilmente à escala, o que não ocorre com gráficos raster que utilizazam métodos de interpolação na tentativa de preservar a qualidade. Outra vantagem do desenho vetorial é a possibilidade de isolar objetos e zonas, tratando-as independentemente. Existe um tipo especial de imagem, gerada por computador, que mistura os conceitos de ambos tipos: o cálculo matemático (escalável por natureza) e imagem raster: as imagens fractais.

PARA BAIXAR CLIQUE NAS IMAGENS!
(FORMATO JPEG. NÃO RECLAME. ESQUECI DA CONVERSÃO)




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe