Pesquisar neste blog

Barcarola de Offenbach (video, letra, curiosidade)

domingo, 21 de junho de 2009

Offenbach foi um compositor alemão de origem judaica, famoso por ser um paladino da opereta e um percursor do teatro musical moderno.
Dentre suas composições, a romântica Barcarola é realmente imortal. Entre os evangélicos é muito comum a adaptação "Viagem para o nosso Lar", que, mesmo em português, é muito linda e leva o coração sincero a pensar. Mas, a letra original, pelo que pesquisei, está um pouco longe dessa adaptação.
A mais famosa ária da ópera é a "barcarola" (Belle nuit, ô nuit d'amour), que é realizada no 3º Ato. Curiosamente, a ária não foi escrita para Os Contos de Hoffmann. Escreveu-a como uma ghost-song na ópera Les fées du Rhin (que estreou em Viena em 8 de fevereiro de 1864 como Die Rheinnixen).

A barcarola foi incorporada em muitos filmes, incluindo A Vida é Bela e Titanic.

Texto original em francês, conforme Free Choral Sheet Music:
http://www.cpdl.org/wiki/index.php/Entreacto_e_Barcarola_(Jacques_Offenbach) - site vinculado à Wikipédia, que pode ser sintetizado como uma enciclopédia de músicas clássicas e de coral.

A peça completa "Os Contos de Hoffmann" pode ser baixada no site do Projeto Gutemberg, que também é gratuito e funciona como uma biblioteca de livros com domínio público ou gratuitos. O download pode ser feito na seguinte página:


Nicklaus:
Belle nuit
Oh nuit d'amour
Souris à nos ivresses
Nuit plus douce que le jour
O belle nuit d'amour!

Giulietta:
Le temps fuit et sans retour
Emporte nos tendresses
Loin de cet heureux séjour
Le temps fuit sans retour
Zéphyrs embrasés
Bercez-nous de vos caresses
Donnez-nous vos baisers
Bercez-nous
De vos baisers !

Belle nuit
O nuit d'amour
Souris à nos ivresses !
Nuit plus douce que le jour
Oh belle nuit d'amour
Souris à nos ivresses
Nuit d'amour
Belle nuit
O belle nuit d'amour !
Senhor em nossa vida aqui
Andamos enfrentando perigo e tentação sem fim;
Porém, Tu estás cuidando!
Piloto sem igual e sempre encorajando!
Que importa o temporal, se guiares a luz?
Celeste lar, o nosso lar com Jesus.
Amparados somos por Ti num mar imenso e infindo
E vendo as luzes d esplendor iremos sem temor,
Chegando à sombra da morte
Fé, coragem darás e piloto verdadeiro serás
Ah... Iremos andando para nosso lar
Senhor, contigo é bom andar, Tua vida foi esmagada.
Que nós possamos conhecer; por Ti foi a graça dada!
Nas ondas do Teu amor, estamos sempre alteados;
Olhando pra o Senhor vamos nós para a luz.
Celeste lar, o nosso lar com Jesus.


Já o coro a boca cerrada (coro a boca chiusa) é genial mesmo. Não precisa mesmo abrir a boca. Puccini é dez sempre e mais alguma coisa. Haja folego!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para seu comentário ser publicado:
1 - Não faça comentários ofensivos, abusivos, com palavrões, que desrespeitem as leis dos país.
2- Os comentários devem ter relação com a postagem.

 

Estatísticas

Blogger WidgetsBlog statistics Widget For Blogger

Link-Me

Receber atualizações por e-mail

Enter your email address:

Provido por FeedBurner

Seguidores do blog

Mais lidos

Compartilhe